Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!

Perguntas Frequentes

24 de Outubro de 2018 às 15:07

Como ocorre o desenvolvimento na carreira?

Resposta - De três maneiras: Progressão - ascensão de nível na mesma classe; Promoção - ascensão do último nível de uma classe para o inicial da próxima e Aceleração da Promoção - ascensão para o nível 1 da classe B (se mestre) ou para o nível 1 da Classe C (se doutor) independente do cumprimento de interstício de 24 meses.

 

Gostaria de saber como está o andamento do meu processo?

Resposta: Consulte toda a tramitação do seu processo através do Sistema de Acompanhamento de Processos: https://sipac.ufopa.edu.br/sipac/?modo=classico

 

Qual a diferença entre progressão e promoção?

Resposta: A progressão se dá quando há mudança de nível, sendo assim horizontal. Exemplo: Progressão de Assistente B-1 para Assistente B-2; A promoção se dá quando há mudança de classe, sendo assim vertical. Exemplo: Promoção de Assistente B-2 para Adjunto C-1.

 

CLASSES E NÍVEIS DA CARREIRA DOCENTE

 

CLASSE

 

DENOMINAÇÃO

 

NÍVEL

CÓDIGO NO CONTRA CHEQUE – CLASSE/NÍVEL

E

Titular

Nível Único

8

 

 

D

 

 

Associado

4

7-704

3

7-703

2

7-702

1

7-701

 

 

C

 

 

Adjunto

4

6-604

3

6-603

2

6-602

1

6-601

B

Assistente

2

5-502

1

5-501

 

 

 

A

Adjunto – A, se Doutor

2

4-602

1

4-601

Assistente – A, se Mestre

2

4-502

1

4-501

Auxiliar – se Graduado ou Especialista

2

4-402

1

4-401

 

 

Promoção da Classe C nível 4 para a Classe D nível 1 necessita inclusão do diploma de Doutor?

Resposta: Sim, deve constar no processo a cópia autenticada ou certificada do diploma de doutor.

 

Durante o estágio probatório o docente pode solicitar progressão?

Resposta:  Sim, qualquer docente pode solicitar a progressão. Não é permitida a aceleração da promoção da Classe A para as Classes B ou C durante o estágio probatório.

 

Durante o estágio probatório posso me afastar para estágio de pós-doutorado ou participar de programa de pós-graduação stricto sensu?

Resposta:  Sim, de acordo com o Art. 30 da Lei nº 12.772, o docente em estágio probatório pode solicitar afastamento nestas situações, esclarecendo que durante o afastamento fica suspenso a contagem para o estágio probatório.

 

Quero progredir. O que devo fazer?

Resposta: O docente deve ler e seguir a  Resolução nº 30 de 18.04.2017 – Consad/Ufopa.

 

Como eu posso saber qual o período da minha avaliação?

Resposta: São os próximos 24 meses a contar do dia seguinte à sua entrada na instituição (assinatura do termo de exercício) ou da sua última progressão (por desempenho, titulação ou aceleração após estágio probatório).

 

O docente fará jus à aceleração da promoção se entregar a titulação após sua aprovação no estágio probatório?

Resposta: Sim. O docente que comprovar a obtenção de titulação de mestre ou de doutor após sua aprovação no estágio probatório, fará jus à retribuição por titulação correspondente, bem como à aceleração da promoção, a contar da data de abertura do processo de entrega de titulação: para o nível 1 da Classe B (se mestrado) ou para o nível 1 da Classe C (se doutorado).

 

Quais são os requisitos para fazer jus à aceleração da promoção?

Resposta: São requisitos para obter a aceleração da promoção: aprovação em estágio probatório; e titulação de mestre (aceleração para o nível 1 da Classe B); ou titulação de doutor (aceleração para o nível 1 da Classe C).

 

É necessária que a Unidade Acadêmica publique a portaria de composição da Comissão de Avaliação (progressão, promoção ou estágio probatório) no Boletim de Serviços da Ufopa para cada docente?

Resposta: A CPPD esclarece que a portaria emitida pela Unidade Acadêmica que nomeará a Comissão de Avaliação (progressão, promoção ou estágio probatório docente) deve ser publicada no Boletim de Serviços da Ufopa e deve ser escolhida para cada docente. Uma mesma Comissão poderá avaliar um grupo de docentes; neste caso, os docentes a serem avaliados devem ser listados na portaria.

 

O professor mudou sua lotação. Em qual unidade deverá ser aberto o processo e qual unidade deverá ser avaliado?

Resposta: O processo deve ser aberto e avaliação realizada na unidade em que está lotado.

 

Fiz concurso para docente cuja exigência de titulação foi o mestrado e algum tempo após ter tomado posse defendi meu doutorado. Posso solicitar aceleração da promoção à Classe C?

Resposta: Não, a aceleração à Classe C somente poderá ocorrer após aprovação no estágio probatório. No entanto o professor pode solicitar ‘retribuição por titulação’ (formulário no site da Progep) anexando cópia (frente e verso) autenticada do diploma de doutor. Caso o título tenha sido obtido no exterior, é necessária a sua revalidação conforme estabelece o Artigo 48 da LDB.

 

Quando posso requerer a progressão funcional?

Resposta: Em tempo hábil para tramitação antes de completar o interstício de 24 meses de avaliação. O docente que der entrada ao processo com antecedência de 90 dias antes do término do interstício muito provavelmente terá a concessão da progressão dentro do prazo que completa o interstício de 24 meses, desde que atinja a pontuação mínima requerida e sua avaliação tenha sido aprovada em reunião da CPPD. Por isso, o ideal é que protocole o pedido antes da data do fim do seu interstício. Caso seja necessário que o docente efetue correções ou acrescente documentações ao processo, os prazos indicados poderão ser modificados, uma vez que o processo será tramitado ao setor de origem do docente para que ele realize as correções, e em seguida tramitado novamente para a CPPD para reavaliação.