Você está aqui: Página Inicial Notícias 2017 Setembro Abertas inscrições para formação em saúde indígena

Abertas inscrições para formação em saúde indígena

Estão abertas as inscrições para o Curso de Extensão em Saúde Indígena ofertado pela Ufopa, por meio do Programa de Pós-Graduação em Sociedade, Ambiente e Qualidade de Vida (PPGSAQ), em parceria com o Programa de Pesquisa e Extensão Cultura, Identidade e Memória na Amazônia (Proext-CIMA), ambos do Centro de Formação Interdisciplinar (CFI).

O curso é aberto à comunidade e serão ofertadas 90 vagas em regime de cooperação com o Distrito Sanitário Indígena Guamá-Tocantins(DSAI/Guatoc), por meio do Serviço de Saúde Indígena (Sesai-MS), da Universidade do Estado do Pará (Uepa/Santarém) e do Instituto Esperança de Ensino Superior (Iespes). As inscrições são gratuitas e vão até 14 de setembro de 2017, exclusivamente por meio de formulário eletrônico a ser preenchido na página http://www.saudeindigena.comunidades.net/contatos.

Para a homologação das inscrições, serão consideradas as reservas de vagas resultantes das parcerias interinstitucionais (Ufopa/Uepa/Iespes/Sesai-MS/Guatoc/Cepes), além de vagas abertas ao público em geral, por ordem cronológica de envio do formulário.

Serão confirmadas inscrições com a documentação completa. O resultado dos candidatos aptos ao curso será divulgado pela Internet, bem como a documentação necessária, no dia 15 de setembro de 2017.

Sobre o curso - O curso ocorrerá entre os meses de setembro, outubro e novembro, simultaneamente nos campi da Ufopa, da Uepa e do Iespes. Nesta primeira abordagem, terá como foco “Profissionais de Saúde que atuam ou atuarão junto a Comunidades Tradicionais e Povos Indígenas na Região Amazônica: a Importância da Qualificação”, e tem como objetivo investir na educação e formação qualificada de profissionais da saúde com foco na supressão de demandas do Distrito Sanitário Indígena (DSAI-Guatoc), bem como desenvolver competências aos cursistas quanto ao adequado acesso à saúde em todos os níveis de complexidade pela população indígena, avançando na sustentabilidade da política de saúde indígena implantada na Amazônia.

Ao final dos cursos (Ufopa, Uepa e Iespes), serão sorteados dois participantes dentre os 90 inscritos, com participação comprovada em folha de frequência e registro avaliado de atividade do curso, para um estágio voluntário junto à comunidade indígena na Aldeia Cuminapanema Zo'é.

Informações complementares podem ser obtidas por meio do correio eletrônico saudeindigenaext@gmail.com ou pelo telefone (93) 2101-6506.

Comunicação/Ufopa, com informações da coordenação do curso

4/9/2017