Você está aqui: Página Inicial Notícias 2017 Maio Reitora assina ordens de serviço autorizando reformas em espaços da Universidade

Reitora assina ordens de serviço autorizando reformas em espaços da Universidade

Reitora assina ordens de serviço autorizando reformas em espaços da Universidade

Reitora e vice-reitor autorizam início das obras de melhoria e adequação dos ambientes.

Iniciam-se nesta terça, 16 de maio de 2017, obras de ampliação e melhorias em diversos espaços do Campus Santarém da Ufopa. Serão reformados o auditório Wilson Fonseca, na unidade Rondon; os laboratórios de Sementes e de Arqueologia, vinculados respectivamente ao Instituto de Biodiversidade e Florestas (Ibef) e ao Instituto de Ciências da Sociedade (ICS); além da Casa Sede e da Casa de Apoio localizadas na Fazenda Experimental da Universidade.

Em reunião realizada na tarde do dia 15 de maio, a reitora da Ufopa, Raimunda Monteiro, e o vice-reitor, Anselmo Colares, assinaram as ordens de serviços autorizando as obras. Os serviços estão a cargo da empresa Tavares Projetos e Reformas, do Rio de Janeiro, e devem ser concluídos até o fim de julho. Os projetos para melhoramento e adequação dos espaços estão sob a coordenação da Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (Proplan) e da Superintendência de Infraestrutura (Sinfra) da Ufopa. O investimento previsto é de R$ 1,8 milhão.

“São ambientes de ensino, pesquisa e extensão que constam nos Projetos Político-Pedagógicos (PPC) dos cursos e, durante a avaliação desses cursos, foi indicada a necessidade de adequação desses espaços. A melhoria na condição desses espaços vai refletir na melhoria da qualidade do nosso ensino”, ressaltou a reitora da Ufopa.

O auditório Wilson Fonseca, na unidade Rondon, sofrerá grandes mudanças. O piso e o revestimento do teto serão renovados, a acessibilidade será garantida e o palco ganhará sistemas de cortina, de som e iluminação, além de um camarim e saída de emergência. “É um espaço de grande valor para a Instituição, que abrigará também o estúdio audiovisual da Universidade”, enfatizou o pró-reitor da Cultura, Comunidade e Extensão da Ufopa, Thiago Vieira.

Os projetos também preveem a ampliação do laboratório de Arqueologia. Para tanto, a casa de poço anexa ao espaço será demolida. Segundo a coordenadora do curso de Arqueologia da Ufopa, Anne Rapp Py-Daniel, a reforma permitirá melhorias no ensino e na pesquisa, já que o laboratório atende a projetos de pesquisas internos e também dá apoio a pesquisadores externos. “Além disso, somos um local de guarda de material arqueológico e essa curadoria é permanente, temos que tomar conta desse material e precisamos garantir condições mínimas para isso. Estávamos muito limitados e essa reforma permitirá que atendamos às normas previstas pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan)”, destacou a docente.

O Laboratório de Sementes, localizado na unidade Tapajós da Ufopa, está interditado desde 2016 por problemas estruturais no prédio. A reforma garantirá a acessibilidade do espaço e possibilitará o credenciamento do laboratório junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). “Teremos melhorias no ensino e na pesquisa com sementes, desde a fase da coleta, beneficiamento, armazenamento e testes de germinação e pureza das sementes. Sendo credenciados junto ao Mapa, nossas sementes sairão certificadas do laboratório e os produtores rurais poderão comercializar sementes de qualidade, com procedência”, explicou o coordenador do laboratório, professor Rafael Rode.

As casas da Fazenda Experimental ganharão banheiros e ambientes apropriados para refeições. “Apenas no ano passado recebemos mais de 30 aulas práticas na Fazenda e não tínhamos um ambiente adequado para receber esses alunos. Depois dessa reforma, as condições de uso serão bem melhores”, garantiu a diretora da Fazenda, Andréa Vinente.

Renata Dantas - Comunicação/Ufopa

16/5/2017