Você está aqui: Página Inicial Notícias 2017 Outubro Grupo de teatro Iurupari apresenta a peça "A Diferente" em Palmas (TO)

Grupo de teatro Iurupari apresenta a peça "A Diferente" em Palmas (TO)

Grupo de teatro Iurupari apresenta a peça "A Diferente" em Palmas (TO)

Atores em cena na peça "A Diferente". Foto: Acervo do projeto Iurupari.

A apresentação ocorrerá durante o V Encontro de Cultura das Universidades Públicas da Região Norte

O grupo de teatro da Ufopa "Iurupari" apresenta na próxima quarta-feira, 11 de outubro de 2017, em Palmas, capital do estado de Tocantins, a peça “A Diferente”, esquete teatral do gênero existencialista que faz uma reflexão sobre a evolução da espécie e da sociedade humana, a partir de relatos e escritas emergentes. O espetáculo integra a programação do V Encontro de Cultura das Universidades da Região Norte, que ocorrerá de 9 a 12 de outubro na Universidade Federal de Tocantins, com o objetivo de discutir o papel da cultura nas universidades.

Com duração de 15 minutos, a peça será encenada pelos atores Amaury Caldeira, Ilka Emanuelly, Jéssica Miranda, Raysse Mel, Rosana Sawaki e Wendel Freitas. A direção do espetáculo é do professor Leandro Cazula, do Instituto de Ciências da Educação (Iced). Os figurinos, adereços, cenografia e maquiagem foram produzidos pelo próprio grupo, que é formado por discentes da Ufopa e membros da comunidade externa. Vinculado ao “Plano de Cultura da Ufopa”, o projeto Iurupari tem o apoio da Pró-Reitoria da Cultura, Comunidade e Extensão (Procce), por meio da Diretoria de Cultura, e do Instituto de Ciências da Educação (Iced).

"A ida dos integrantes do Iurupari para participarem do evento com a proposta cênica “A Diferente” se deu graças à aprovação de concessão de auxílio financeiro para os discentes, obtido através do edital da Procce nº 005/2017. A efetivação da apresentação no referido evento ainda conta com o incentivo das ações previstas no Plano de Cultura da Ufopa”, explica o professor Leandro Cazula.

Com base na dramaturgia do texto “Brecht e os Macacos de Darwin”, de Ricardo Aparecido de Lima (Três Lagoas/MS), a peça “A Diferente” utiliza pronunciamentos, relatos e escritas emergentes, como os do médico Dráuzio Varella; “Juventude Revolucionária Liberal Brasileira”; Karl Marx; Constituição da República Federativa do Brasil; revista Veja; banda Titãs, entre outros. "Desta forma, com junção ao jogo cênico de ação e diálogos, resultou a esquete teatral “A Diferente”, assim disposta ao exercício singelo de fazer repensar algo sobre nossa possível existência", explica Cazula.

Segundo Cazula, a proposta cênica da peça "é uma concepção inequívoca da interação de atores, em total presunção de seus corpos e vozes, dispostos ao jogo entre si e com o público, em relação extremamente atípica, e como consequência exercem uma remota ideia à evolução da espécie-homem, tendendo-se às questões do ideário civilizatório da sociedade".

Mais informações: http://iurupari.blogspot.com.br/ e iurupari@gmail.com.

Serviço: Espetáculo “A Diferente”

  • Data: 11 de outubro de 2017 (quarta-feira)
  • Horário: 8h30min
  • Local: Hall de entrada do Bloco J da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Campus de Palmas (TO)

 

Comunicação/Ufopa, com informações do projeto Iurupari

6/10/2017