A importância dos jogos para o ensino de aritmética em manuais de autoria de Theobaldo Miranda Santos

Autores

  • Cintia Schneider Instituto Federal Catarinense
  • David Antonio da Costa Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.24065/2237-9460.2019v9n2ID855

Resumo

Neste artigo, tem-se por objetivo, compreender o papel dos jogos para o ensino de aritmética, nos manuais pedagógicos ‘Noções de didática especial’, ‘Metodologia do ensino primário’, ‘Manual do professor primário’ de autoria de Theobaldo Miranda Santos, dois destes, publicados nos anos de 1960 e outro em 1952. As análises utilizam aportes da história cultural (CHARTIER, 2010), privilegiando os manuais pedagógicos como fonte de pesquisa (VALENTE, 2008; CHOPPIN, 2009), além dos demais aportes da própria história da educação matemática e ainda Moura (1999) e Mattos (2009), como referencial, no que diz respeito aos jogos para o ensino de aritmética. Theobaldo Miranda Santos foi um importante autor, responsável pela publicação de muitos manuais pedagógicos e sua figura torna-se mais relevante ainda, quando se trata do embate entre católicos e escolanovista em meados do século passado. Quanto aos jogos, Santos indica seu uso, porém sem citar, especificamente, determinado jogo ou apresentar um tutorial. Santos demonstra-se confuso ao definir seu posicionamento quanto aos jogos, porém, vê-se a homogeneidade, nos três manuais, ao afirmar que os jogos são meio de tornar a aritmética mais interessante, divertida e contextualizada com o dia a dia dos alunos.

 

Palavras-chave: Jogos para o ensino de aritmética. Manuais pedagógicos. História da educação matemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

2019-04-01

Como Citar

SCHNEIDER, C.; DA COSTA, D. A. A importância dos jogos para o ensino de aritmética em manuais de autoria de Theobaldo Miranda Santos. Revista Exitus, [S. l.], v. 9, n. 2, p. 76-104, 2019. DOI: 10.24065/2237-9460.2019v9n2ID855. Disponível em: http://www.ufopa.edu.br/portaldeperiodicos/index.php/revistaexitus/article/view/855. Acesso em: 23 maio. 2022.

Edição

Seção

Dossiê