Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!
Buscar somente nesse site.

Universidade Federal do Oeste do Pará

I Encontro de diálogos de enfrentamento ao suicídio no município de Óbidos

Abertura: 13 de Setembro de 2018 às 08:00

Termino: 13 de Setembro de 2018 às 18:00

Local: Ufopa Campus de Óbido

Universidade Multicampi: Diálogos de enfrentamento ao suicídio ocorrem em Óbidos

O I Encontro de diálogos de enfrentamento ao suicídio no município de Óbidos será realizado na próxima quinta-feira, 13, com o tema: “Porque Vidas Humanas importam”. O evento envolve alunos e professores do campus da Universidade Federal do Oeste do Pará (UFopa), em Óbidos, e terá mesas de debates e minicursos.

O objetivo é dialogar sobre o enfrentamento ao suicídio com a comunidade Obidense. O evento é destinados a acadêmicos de pedagogia, profissionais da educação, profissionais da saúde, profissionais da assistência e demais integrantes da sociedade interessados no tema.

De acordo com a professora Kassia Rodrigues, uma das organizadoras dos debates, o encontro  “emerge em virtude da necessidade de se conversar sobre a temática do suicídio, bem como de se propor alternativas possíveis a pessoas que vivem sofrimentos psíquicos extremos”.

Ela acrescenta ainda que “A Ufopa propõe esta temática no mês que referencia o enfrentamento ao suicídio, por considerar alarmantes os dados por morte de suicídio no Brasil que significam a terceira causa de morte entre homens de 15 a 29 anos e a oitava causa de morte entre mulheres na mesma faixa etária. É urgente “dialogar com a sociedade sobre possibilidades mais criativas e saudáveis da existência humana”, alerta.  

“Contudo sabemos que há alternativas para a existência humana e que o exercício do diálogo possibilita compreensões em que a sociedade possa buscar nos aparelhos públicos da saúde, da educação e da assistência apoio para sua saúde, bem estar e maior qualidade de vida”, conclui.

Confira aqui a programação completa do I Diálogos de enfrentamento ao suicídio no município de Óbidos”.

 

Comunicação/Ufopa

6/9/2018