Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!
Buscar somente nesse site.

Universidade Federal do Oeste do Pará

III Semana da Geofísica da Ufopa ocorrerá de 7 a 11 de outubro em Santarém


4 de Outubro de 2019 às 11:12

No período de 7 a 11 de outubro de 2019, a Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) realiza na Unidade Tapajós, em Santarém (PA), a III Semana da Geofísica, que discutirá o tema “Geofísica de Exploração na Amazônia”. Aberto ao público e à comunidade acadêmica, o evento tem como público-alvo alunos de graduação e pós-graduação, profissionais e empresas da área.

Promovida pelo curso de Geofísica, vinculado ao Instituto de Engenharia e Geociências (IEG) da Ufopa, a Semana contará com a participação de pesquisadores de universidades federais e órgãos de pesquisas, além de empresas de mineração e de petróleo. De acordo com a organização do evento, a Semana visa estimular o ingresso e divulgar a carreira de geofísico, franqueando aos participantes o acesso a temas atuais de pesquisa em Geofísica, por meio de cursos introdutórios e palestras com especialistas renomados na área.

“O objetivo da Semana é contribuir com a formação dos nossos estudantes dos cursos de Física, Geologia e Geofísica, trazendo mais conhecimento sobre a área de exploração mineral e de petróleo, além de divulgar o nosso curso em Santarém e no país”, esclarece a professora da Ufopa Cíntia Trindade Rocha, da organização do evento.

Programação - Na segunda-feira, 7 de outubro de 2019, será realizado a partir das 8 horas, na sala 324 do Bloco Modular Tapajós, o minicurso “Aplicações de dados aerogeofísicos na exploração mineral”, com a participação da professora Adalene Moreira Silva, do Instituto de Geociências da Universidade de Brasília (UnB).

Já a solenidade de abertura da III Semana da Geofísica ocorrerá na terça-feira, 8 de outubro de 2019, a partir das 16 horas, no Auditório da Unidade Tapajós. Em seguida, haverá palestra do professor da Faculdade de Geofísica da Universidade Federal do Pará (UFPA) Cícero Roberto Teixeira Regis, que é pesquisador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Geofísica do Petróleo (INCT/GP).

Na quarta-feira, dia 9, no auditório da Unidade Tapajós, haverá apresentação de trabalhos e palestras sobre diversos temas. Um dos destaques será a palestra sobre a indústria petrolífera brasileira, a ser proferida pela pesquisadora Eliane Peterson, da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Outro destaque da programação será a mesa-redonda sobre o mercado de trabalho, que ocorrerá na sexta-feira, 11 de outubro, a partir das 17 horas, no auditório da Unidade Tapajós. Intitulada “A profissão de geofísico no Brasil e no mundo”, a mesa contará como integrantes membros da Sociedade Brasileira de Geofísica (SBGF) e de empresas do ramo de exploração mineral do estado do Pará.

Confira a programação completa do evento no site https://geofisicaufopa.wordpress.com/programacao.

Curso – Também integrando a programação do evento, foi realizado no período de 30 de setembro a 4 de outubro o curso “Sísmica de Refração e Reflexão Rasa: teoria, aquisição e processamento”, ministrado pelo professor Oleg Bokhonok, da Universidade Católica de Santos. Com 40 horas de duração, o curso uniu teoria e prática para ensinar técnicas menos invasivas de mapeamento do sub-solo, a partir da utilização de sensores que vibram com as vibrações geradas por fontes artificiais, como é o caso da marreta que se usa nas atividades de campo.

“Os métodos geofísicos são indiretos e permitem mapear grandes áreas,  muitas vezes de forma não invasiva, pois possibilitam realizar o mapeamento da área sem precisar perfurar muito o solo ou remover muita areia”, explica a professora Cíntia Trindade Rocha, do curso de Geofísica da Ufopa. “Durante as aulas práticas, conseguimos mapear até 100 metros de profundidade do solo utilizando essa técnica”.

Serviço: III Semana da Geofísica da Ufopa

Comunicação/Ufopa

4/10/2019

Aula prática do curso de sísmica de refração e reflexão rasa. Foto: Maria Lúcia Morais (Comunicação/Ufopa).

Notícia em destaque