Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!
Buscar somente nesse site.

Universidade Federal do Oeste do Pará

Ultima atualização em 2 de Setembro de 2019 às 16:39

Projeto do CDHBA com cartório de Santarém prevê digitalização de documentos dos séculos XIX e XX


O Centro de Documentação Histórica do Baixo Amazonas (CDHBA) da Ufopa firmou, em julho de 2019, um termo de cooperação com o Cartório do Terceiro Ofício Souza Alho, de Santarém, para digitalização de documentos dos séculos XIX e XX. O convênio foi formalizado através da Fundação de Integração Amazônica (Fiam), vinculada à Universidade. Previsto para vigorar por dezoito meses, o projeto iniciará suas atividades no próximo mês de setembro. Serão digitalizados cerca de 250 mil documentos, como certidões de nascimento e óbito e procurações.

“Será construída uma grande base de dados relativa a nascimentos, óbitos e casamentos na cidade de Santarém, permitindo que se estudem com muita precisão temas relacionados à migração, doenças, padrões matrimoniais, entre outros assuntos, de um período que se estende do final do século XIX até meados do século XX”, explica o professor da Ufopa, Gefferson Ramos Rodrigues, que coordena o projeto e também coordena o CDHBA.

Além da importância para conservação da memória de Santarém, o projeto inclui a aquisição de equipamentos como escâners e computadores, que, posteriormente, serão incorporados ao patrimônio da Universidade. Além do professor, oito bolsistas do curso de História atuarão nas atividades. O investimento total será de R$ 85 mil.

Comunicação/Ufopa 

29/8/2019

Profa. Elaine Oliveira (Ibef), diretora-técnica da Fiam, e reitor da Ufopa, Prof. Hugo Diniz, assinam o convênio firmado com o Cartório do Terceiro Ofício. Atrás, na foto, Valdeir da Costa, juiz do Fórum de Santarém, e João Alho, tabelião do Cartório.

Notícia em destaque