Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!
Buscar somente nesse site.

Universidade Federal do Oeste do Pará

Ultima atualização em 16 de Novembro de 2022 às 15:56

Ufopa prorroga prazo para Cadastro Único de estudantes até 30 de novembro


Medida permitirá acesso a benefícios sociais previstos na Política Nacional de Assistência Estudantil (PNAES)  

A Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), por meio da Pró-Reitoria de Gestão Estudantil (Proges), está regulamentando, através da Instrução Normativa (IN) nº 1/2022, a avaliação socioeconômica de todos os estudantes regularmente matriculados na instituição, com vistas a obter dados para a formação do Cadastro Único (CadÚnico) de alunos. O objetivo é identificar a situação socioeconômica dos estudantes e de sua família para o acesso aos programas e serviços que utilizam como critério de inclusão a vulnerabilidade socioeconômica, conforme o que está previsto no artigo 7º da Portaria nº 16/2020-Proges/Ufopa.

O cadastro pode ser realizado até dia 30 de novembro, conforme novo cronograma publicado pela Proges no último dia 11. A adesão deve ser feita, por estudantes da sede e também dos campi fora de sede, por meio do preenchimento de questionário com 53 perguntas. A realização do processo de avaliação socioeconômica será feita pela equipe da Diretoria de Acompanhamento Estudantil. Essa avaliação deve ocorrer no período de 13 de outubro de 2022 a 3 de fevereiro de 2023. São esperados pelo menos 3 mil registros. Considerando os prazos previstos na IN para recursos, o processo deverá ser encerrado em meados de fevereiro de 2023. Acompanhe AQUI o cronograma da Instrução Normativa nº 1/2022-Proges/Ufopa.

Etapas – O CadÚnico da Ufopa será realizado em duas etapas. A primeira etapa é a “adesão do estudante ao cadastro único”, que deverá ser feita por meio do acesso à página do SIGAA com uso do login de aluno. Em seguida, acessar o portal do discente, seguido de menu Bolsas > Cadastro Único > Aderir ao Cadastro Único, preencher o questionário socioeconômico e anexar a documentação comprobatória do estudante e dos membros do grupo familiar; em seguida, confirmar a inscrição para finalizar a adesão ao Cadastro Único.

A segunda etapa é a solicitação da validação da adesão, que também poderá ser feita pelo portal do SIGAA após a validação da primeira. A partir da validação do CadÚnico, a inscrição terá validade por dois anos. Esta segunda etapa só deverá ser feita pelos estudantes que ingressaram na Ufopa por meio do Processo Seletivo Regular. Já os estudantes que entraram por meio dos processos seletivos especiais (indígenas ou quilombolas) não necessitarão fazer a segunda etapa, já que são considerados “socioeconomicamente vulneráveis”, sendo exigido apenas que efetuem a adesão ao CadÚnico.

A diretora de Acompanhamento Estudantil da Proges, Izabela Mendonça, ressalta a necessidade de os estudantes realizarem a adesão ao CadÚnico da Ufopa. “O Cadastro Único é um formulário eletrônico disponível no SIGAA e ele vai fazer com que a gente possa realizar a avaliação socioeconômica dos estudantes para que eles tenham acesso aos serviços e auxílios no âmbito da Proges, que estão estabelecidos no Programa Nacional de Assistência Estudantil (PNAES)”. A diretora ressalta ainda que é importante que os alunos mantenham seus endereços de e-mail atualizados, bem como verifiquem também suas caixas de spam para que tenham “ciência de todas as notificações a eles enviadas por meio do SIGAA”.

Para esclarecer as dúvidas dos discentes, a Proges programou três reuniões: dia 13/10 às 14h (Restaurante Universitário), dia 18/10 via plataforma digital para atender aos alunos dos campi fora de sede, 19/10 às 15h para atender aos alunos dos processos seletivos especiais Indígena e Quilombola.

Quando César Benaion, de 33 anos, matriculado no curso de Informática educacional (Iced), teve que solicitar o benefício de assistência estudantil, ele precisou preencher formulários e entregá-los pessoalmente na Proges. Agora, todo o processo pode ser feito de forma on-line. “Eu analisei o sistema on-line, e facilita muito a vida do estudante. O estudante que mora em outra cidade teria alto custo para vir para Santarém só para entregar a documentação. Esse novo sistema, se você esquecer qualquer documento, tem uma segunda chance de enviar novamente esse documento”. Ele chama a atenção ainda para que todos os estudantes se cadastrem e façam a adesão ao cadastro.

Confira AQUI o cronograma atualizado da Instrução Normativa nº 1/2022-Proges/Ufopa.

Confira AQUI no site da Proges todas as informações da Instrução Normativa nº 1/2022-Proges/Ufopa.

Comunicação/Ufopa

13/10/2022. Atualizada em 16/11/2022.

Notícia em destaque