Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!
Buscar somente nesse site.

Universidade Federal do Oeste do Pará

Ultima atualização em 20 de Janeiro de 2023 às 18:21

Ufopa dá início à construção do Plano de Desenvolvimento Institucional 2024-2031


Na manhã desta quinta-feira, 19, ocorreu a primeira reunião da Comissão Geral de Elaboração do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2024-2031 da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa).

O PDI é o documento de planejamento macro das universidades, no qual é definida a missão institucional a ser atingida em longo prazo, além da visão institucional e dos objetivos estratégicos. Ao longo de 2023 ocorrerá o processo de construção do novo PDI da Ufopa, com participação da comunidade acadêmica e da sociedade em geral.

/media/file/site/ufopa/imagens/2023/f1467a228fee7ce76942cc6ad5b09502.jpeg
A vice-reitora Solange Ximenes abriu a reunião falando
dos desafios do novo PDI.

Abrindo a reunião, a vice-reitora Solange Ximenes elencou como principais desafios, que devem ser considerados no processo de construção do documento para contribuir para o desenvolvimento da região Oeste do Pará: atender à educação básica; contemplar a diversidade regional, cultural e intercultural; desenvolver ações de maior integração regional, nacional e internacional; promover o desenvolvimento sustentável; integrar, de modo mais efetivo, o multicampismo; e expandir a educação superior na região Oeste do Pará.

“O nosso planejamento institucional vai nos ajudar a responder a esses desafios. Contamos com a parceria de todos para que esse documento reflita as nossas necessidades, mas não apenas isso, que reflita o nosso futuro enquanto instituição”, finalizou a vice-reitora.

O pró-reitor de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Cauan Araújo, explicou que o PDI é o principal instrumento de planejamento estratégico, que orienta os demais planos da Instituição: o Plano de Gestão (4 anos), os Planos de Desenvolvimento das Unidades (2 anos) e os Planos Operacionais das Unidades (1 ano).

“Nós temos um PDI com vigência de cinco anos [PDI 2019-2023] e passaremos para o PDI com vigência de 8 anos. Existe uma tendência geral nas universidades de ampliação desse período do PDI”, sinalizou. Segundo o pró-reitor, essa ampliação possibilita que a elaboração de PDIs não coincida com as dos planos de gestão, seguindo a mesma lógica de elaboração de instrumentos de planejamento e orçamento públicos seguidos pelos governos, além de permitir o desenvolvimento institucional de longo prazo.

 

/media/file/site/ufopa/imagens/2023/11168a280459cad4a3bae89431d3fb19.jpeg
Gestores e representantes da comunidade acadêmica
e sociedade civil compõem a Comissão.

 

A Comissão é formada por representantes das unidades acadêmicas e administrativas, conforme a decisão nº. 73/2022, do Conselho Universitário, além de representantes da comunidade acadêmica e sociedade civil. Além da Comissão, há a Assessoria Técnica, designada pela portaria nº. 292/2022, que fornecerá apoio técnico-científico para a elaboração do documento.

Na reunião, foi apresentada a proposta de metodologia, montada pela Assessoria Técnica, para apreciação dos membros da Comissão. A partir de março, a Comissão seguirá uma rodada de reuniões para discussão de temas que compõem o PDI. Também está prevista a realização de ações de sensibilização quanto à importância do PDI e de consulta pública para identificar as demandas da comunidade acadêmica e da sociedade em geral a serem contempladas no planejamento estratégico.

Comunicação/Ufopa
20/01/2023

Notícia em destaque