Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!
Buscar somente nesse site.

Universidade Federal do Oeste do Pará

Ufopa obtêm conceito 4 no Índice Geral de Cursos


30 de Janeiro de 2019 às 11:46

Avaliada desde 2012, esta é a primeira vez que a Ufopa alcança conceito 4 no IGC, que varia de 1 a 5.

A Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) obteve conceito 4 no Índice Geral de Cursos (IGC) avaliados, em 2017, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), vinculado ao Ministério da Educação (MEC). Avaliada desde 2012, esta é a primeira vez que a Universidade alcança conceito 4 no IGC, que varia de 1 a 5. Além da Ufopa, apenas a Universidade Federal do Pará (UFPA) e a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), instituições bem mais antigas, conseguiram obter o mesmo conceito no Pará em 2017.

“Recebemos com muita alegria o resultado dessa avaliação. A Ufopa é uma das três universidades do estado do Pará que obteve quatro na avaliação do MEC, o que representa um esforço de toda a comunidade para garantir o patamar de qualidade dos nossos cursos de graduação e da qualidade da nossa Universidade”, afirma a Pró-Reitora de Ensino (Proen), Solange Ximenes. “Essa nota reúne todas as ações da Universidade no que diz respeito a Ensino, Pesquisa e Extensão”.

Com relação aos resultados do Conceito Preliminar de Cursos (CPC), outro indicador de qualidade do MEC e que compõe o IGC, a Ufopa teve 16 cursos avaliados em 2017. Na avaliação, dois cursos de graduação se destacaram obtendo conceito 4: a Licenciatura em Ciências Biológicas, vinculada ao Instituto de Ciências da Educação (Iced); e o Bacharelado em Engenharia Florestal, do Instituto de Biodiversidade e Florestas (Ibef). Do total de cursos avaliados, 11 obtiveram conceito 3, considerado satisfatório, e apenas três cursos tiraram 2.

Confira: Conceito Preliminar dos Cursos.

Indicadores de Qualidade - Responsável pela avaliação, o INEP divulgou oficialmente os resultados do Índice Geral de Cursos (IGC) e do Conceito Preliminar de Curso (CPC), referente ao ano de 2017, por meio da Portaria nº 1.074, de 17 de dezembro de 2018. São três os Indicadores de Qualidade da Educação Superior: Conceito Enade; Conceito Preliminar de Curso (CPC); e Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC).

Desde 2012, a Ufopa é avaliada pelo MEC, obtendo conceito 3 no IGC, resultado considerado satisfatório. Apenas em 2013 a instituição recebeu conceito 2. Após cinco anos de avaliação, a Ufopa obtêm, pela primeira vez, conceito 4, indicando assim avanço na qualidade dos cursos ofertados pela instituição. “Estamos felizes com o resultado dessa avaliação, pois reflete o trabalho de toda uma comunidade que tem contribuído para a consolidação dessa que é a maior universidade da região Oeste do Pará. Vemos isso com muita alegria, porque somos uma universidade nova que tem acelerado o seu processo de consolidação”, afirma Solange Ximenes.

O Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC) é um indicador de qualidade que avalia as instituições de educação superior. Seu cálculo é realizado anualmente e leva em conta a média do Conceito Preliminar dos Cursos (CPC) e dos conceitos de avaliação dos programas de pós-graduação stricto sensu atribuídos pela Capes, além da distribuição dos estudantes entre os diferentes níveis de ensino, graduação ou pós-graduação stricto sensu.

Confira: Índice Geral de Cursos.

O Conceito Preliminar de Curso (CPC) é outro indicador de qualidade que avalia os cursos de graduação. Seu cálculo e divulgação ocorrem no ano seguinte ao da realização do Enade, com base na avaliação de desempenho de estudantes, no valor agregado pelo processo formativo e em insumos referentes às condições de oferta – corpo docente, infraestrutura e recursos didático-pedagógicos –, conforme orientação técnica aprovada pela Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior (Conaes).

Já o Conceito Enade é um indicador de qualidade que avalia os cursos por intermédio dos desempenhos dos estudantes no Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), que é uma das avaliações que compõem o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). O objetivo do Enade é avaliar e acompanhar o processo de aprendizagem e o desempenho acadêmico dos estudantes em relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares do respectivo curso de graduação.

Confira: Conceito dos Cursos avaliados pelo Enade.

Comunicação/Ufopa, com informações da Proen e do Inep

30/1/2019

Notícia em destaque