CRIANÇAS, FABRICAÇÃO DO ABANO E SABERES CULTURAIS DA COMUNIDADE DE ARAUÁ DA AMAZÔNIA BRAGANTINA

Autores

  • Marisa Martins Cardoso UFPA
  • Ana Paula Vieira e Souza UFPA
  • Rodrigo Fraga Marvão UNAMA

DOI:

https://doi.org/10.30810/rcs.v3i6.1308

Resumo

pesquisa tem foco nos saberes cultural de crianças a respeito da
fabricação do abano presente na Comunidade de Arauá, Polo Cacoal, Município
de Bragança, Estado do Pará. O estudo busca identificar os saberes transmitidos
pelos adultos da Comunidade de Arauá às crianças a respeito da confecção
do abano. Os resultados revelam que existe um consenso sobre a existência de
saberes tradicionais relacionados ao fabrico do abano. Para elas o abano tem
um sentido e significado porque serve para abanar o fogo e manter a brasa, não
é qualquer palha que serve para confeccionar o abano, é preciso saber tracejar e
formar o losango. Ainda, outras questões encontradas no decorrer da pesquisa
como o uso do abano para ensinar a Matemática às crianças no processo educativo.
Conclui-se, que as técnicas utilizadas na fabricação do abano com relação
aos saberes culturais da Comunidade não estão presentes no currículo escolar
da Comunidade, por isso deve a escola valorizar uma proposta curricular, a fim
de promover o ensino interdisciplinar, por exemplo, trabalhar a Etnomatemática
pela Geometria no processo de alfabetização de crianças e valorizar os saberes
culturais transmitidos entre gerações.

Downloads

Publicado

2020-05-24

Como Citar

Cardoso, M. M., Souza, A. P. V. e, & Marvão, R. F. (2020). CRIANÇAS, FABRICAÇÃO DO ABANO E SABERES CULTURAIS DA COMUNIDADE DE ARAUÁ DA AMAZÔNIA BRAGANTINA. REVISTA CIÊNCIAS DA SOCIEDADE, 3(6). https://doi.org/10.30810/rcs.v3i6.1308