Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!

Plano de Desenvolvimento Institucional 2019 - 2023

13 de Fevereiro de 2020 às 12:08

O Plano de Desenvolvimento Institucional – PDI é o instrumento de gestão que norteia as ações estratégicas da Ufopa para os próximos cinco anos. Nele contém a nossa filosofia de trabalho, missão, visão, valores, objetivos estratégicos, o projeto político pedagógico, entre outros elementos que identificam a universidade.

O PDI 2019-2023 foi aprovado pela resolução 270/2019 do Conselho Universitário (Consun). Teve sua estratégia construída em torno dos grandes eixos de sustentação da universidade: ensino, pesquisa e extensão, a partir da metodologia Balanced Scorecard - BSC.

O BSC representa um sistema de medidas, pois se utiliza de indicadores e metas; um sistema de gestão estratégica, uma vez que ele possibilita o acompanhamento de resultados; e uma ferramenta de comunicação, por possuir uma estrutura com base em perspectivas, a apresentação da estratégia é convertida num mapa estratégico que proporciona uma melhor visualização do caminho a ser percorrido para o alcance das metas estabelecidas. (PDI/UFOPA, 2019-2023, p. 18).

A partir dessa metodologia foram definidos 16 objetivos estratégicos, distribuídos em 4 grandes dimensões, a saber: resultados institucionais, processos internos, aprendizagem e crescimento e orçamento. Os objetivos visam o cumprimento da nossa missão que é de “Produzir e socializar conhecimentos, contribuindo para a cidadania, inovação e desenvolvimento na Amazônia” e para o alcance sua visão que é “Ser referência na produção e difusão do conhecimento científico, tecnológico e interdisciplinar para contribuir com o desenvolvimento regional sustentável por
meio da formação de cidadãos”.

As diretrizes pedagógicas da Ufopa foram definidas no PPI e prima pela “inovação de oferta de ensino de graduação organizado em bacharelados profissionais, bacharelados interdisciplinares, licenciaturas e licenciaturas integradas em diferentes áreas do conhecimento, fundamentados pela interdisciplinaridade, mobilidade acadêmica, formação continuada e flexibilidade curricular” (PDI/UFOPA, 2019-2023, p.33). Além disso, o ensino na Ufopa busca a inclusão e valorização intercultural, buscando sempre o respeito à diversidade.

Primando por um ensino integrado, a Ufopa parte das seguintes diretrizes: a) indissociabilidade entre ensino, pesquisa, extensão; b) excelência acadêmica; c) responsabilidade social; d) fortalecimento de modelos acadêmicos curriculares inovadores; e) potencialização e respeito à diversidade regional; f) interdisciplinaridade e integração g) inovação; h) articulação com a sociedade; i) promoção de ações vinculadas à educação básica; j) apropriação, criação e socialização de conhecimentos; k) formação continuada; l) inclusão; e m) ações afirmativas.

Outro ponto importante do PDI é o estímulo aos projetos integrados de ensino, pesquisa e extensão, com vistas ao fortalecimento do ensino de graduação a partir
de atividades de extensão e pesquisa vinculadas aos projetos pedagógicos dos cursos. Os projetos também visam o fortalecimento da relação educação básica, ensino de graduação e pós-graduação. Além disso, as políticas de pesquisa na Ufopa preveem ainda, fomentar a captação de recursos e promover o intercâmbio de pesquisadores e a cooperação interinstitucional com instituições de referência visando o desenvolvimento de projetos de interesse comum.

A Ufopa também planeja melhorar o atendimento ao discente com vistas a promoção de melhores condições de desemprenho acadêmico, por meio de programas e projetos desenvolvidos pela Proges. Aprimorar a assistência ao servidor, no que se refere a saúde e a qualidade de vida, por meio da Progep, entre outras ações de valorização do servidor.

 

Para mais conhecimento das prioridades estabelecidas para os próximos cinco anos da Ufopa, acesso aqui o PDI.