Desculpe, o seu navegador não suporta JavaScript!
Buscar somente nesse site.

Universidade Federal do Oeste do Pará

Professores da Ufopa treinam equipe para testagem da covid-19 em Santarém


29 de Maio de 2020 às 17:43

De 2 a 5 de junho, a Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) realizou o treinamento da equipe de técnicos que vai trabalhar no laboratório de testagem da covid-19 em Santarém. O treinamento foi ministrado pela equipe de professores geneticistas que coordena o projeto de implantação do Laboratório de Biologia Molecular do Baixo Amazonas (Labimol) no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA). Participaram cinco técnicos de laboratório, dois analistas clínicos e da biomédica coordenadora do Laboratório de Análises Clínicas do HRBA. As aulas teóricas ocorreram no Auditório Wilson Fonseca, na Unidade Rondon da Ufopa, e a prática, no HRBA.

 

/media/file/site/ufopa/imagens/2020/1d10f1b13999b1763e68bd40bd935e6c.jpg
Pró-reitor Marcos Prado e diretor do HRBA, Hebert Moreschi,
no primeiro dia do treinamento.
/media/file/site/ufopa/imagens/2020/cd43d9e0f92be682f28bb1a7324e3c48.jpg
Professor Marcos reforçou que além de treinar a equipe de técnicos,
professores da Ufopa também atuarão na realização dos exames.

 

Além da Ufopa e do HRBA, a iniciativa tem parceria com o Centro Regional de Governo, a Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) e o Ministério Público do Trabalho para a realização de exames na população do Oeste do Pará.

Da Ufopa já foram levados ao HRBA, onde funcionará o laboratório, todos os equipamentos necessários, faltando apenas a chegada dos insumos para a realização dos exames. Além da cedência de equipamentos e da coordenação do projeto de implantação do laboratório de biologia molecular, a Ufopa também comprou todo o material necessário para a realização de 5 mil testes e agora aguarda a chegada desse material para começar a testagem. O início da realização dos testes está previsto para a segunda quinzena de junho, e o envio das amostras dos municípios para Santarém será coordenado pelo 9º Centro Regional de Saúde da Sespa e Centro Regional de Governo.

 

/media/file/site/ufopa/imagens/2020/cc3970c5451df57bb7ecf5a3a4bf82f2.jpeg
Reitor Hugo Diniz e governador Helder Barbalho assinam convênio, 28/05/2020.

 

Pela Universidade, a ação é coordenada pelo professor Marcos Prado, pró-reitor da Cultura, Comunidade e Extensão (Procce) da Ufopa. Segundo ele, assim que o material chegar, o trabalho começa: “A Ufopa já comprou material para 5 mil testes. Com os recursos da Sespa, repassados ontem pelo governador Helder Barbalho, e do Ministério Público do Trabalho, que também entrou como parceiro no projeto, será possível realizar mais 4 mil testes, totalizando então 9 mil testes na região”. Novas parcerias no campo privado também são aguardadas. “Estamos buscando junto às grandes empresas da região recursos para ampliar o número de testes e assim fazer a testagem de todos os casos suspeitos, seja de pacientes internados nos hospitais, como também daquelas pessoas que estão sendo monitoradas pelas secretarias municipais de saúde”, acrescentou.

A meta é realizar cerca de 116 testes por dia e disponibilizar o resultado em até 48 horas, podendo ter resultados antecipados para os pacientes mais graves.

Outro parceiro importante que também faz parte do projeto é a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), que emprestou o equipamento 7500 PCR System que será utilizado na testagem.

Na tarde da quinta-feira, 28 de maio, o reitor da Ufopa, professor Hugo Alex Diniz, foi ao Hospital Regional conhecer as instalações do laboratório de biologia molecular, acompanhado do professor Marcos e do professor Gabriel Coelho, geneticista do Instituto de Ciências da Educação (Iced) da Ufopa.

 

/media/file/site/ufopa/imagens/2020/8cbb2572c7e78962e9c777514f2bf307.jpeg
Membros da equipe técnica visitam as instalações do laboratório de testagem.

 

Leia também:

Fotos: Ascom/Pró-Saúde

Comunicação/Ufopa

29/5/2020. Atualizada em 8/6/2020

Notícia em destaque