Você está aqui: Página Inicial Notícias 2017 Novembro Ufopa 8 anos: Audiovisual e Canto Coral marcam comemorações

Ufopa 8 anos: Audiovisual e Canto Coral marcam comemorações

Ufopa 8 anos: Audiovisual e Canto Coral marcam comemorações

Fotos: Talita Baena

Além das lembranças das transformações e avanços com a ampliação do ensino superior no Oeste do Pará, com a oferta de 38 cursos pela Ufopa, as apresentações culturais do quarteto de cordas da Orquestra Sinfônica Maestro Wilson Fonseca e do grupo de Canto Coral da Ufopa, além da banda Argilas Selvagens, marcaram as homenagens dos oito anos de criação da Universidade que ocorreram na tarde do dia 6, no auditório Wilson Fonseca, Unidade Rondon.

“Em 2010, nós éramos 38 professores da Ufpa e sete da Ufra. Em 2013, tivemos um avanço meteórico: 319 técnicos, 265 docentes; e hoje, 2017, chegamos a 540 técnicos e 540 docentes já concursados, e 57 estão sendo investidos no cargo, ou seja, mais de 600 docentes. Isso mostra o quanto esta Universidade cresceu para atender os 38 cursos da sede e os novos cursos dos municípios do Baixo Amazonas e do Tapajós”, ressaltou a reitora, destacando ainda a necessidade de programar um valor de capital para a governança do atual governo, como fizeram as universidades UFABC e UFSB. “Começamos a perceber, agora em 2017, que tem teto, mas não há piso”, disse.

Após o pronunciamento da reitora, o quarteto de cordas da Orquestra Sinfônica Maestro Wilson Fonseca e o grupo de Canto Coral da Ufopa, sob a regência do maestro e professor Miguel Campos Neto, do Grupo de Regentes do Teatro da Paz, e com a participação do músico Tinho Fonseca, fizeram suas apresentações, homenageando o Maestro Wilson Fonseca.

Vídeo Comemorativo

Um dos momentos culturais da festa foi a exibição do vídeo institucional "Ufopa 8 anos". Produzido pela Coordenação de Comunicação, em parceria com o Estúdio de Áudio e Vídeo da Procce, “o vídeo buscou mostrar a força de grandes encontros, com a expansão da Ufopa, garantindo a produção de conhecimento na Amazônia. “Entre eles, temos o encontro que marca os oito anos da Universidade: o encontro da sede, Santarém, com os demais municípios que agora oficialmente possuem cursos em funcionamento”, explicou a publicitária Manuele Rodrigues.

O corte do bolo de 8 anos ocorreu no térreo do bloco H da Unidade Rondon, o popular Patifão. O encerramento da cerimônia teve a participação da banda Argilas Selvagens.

Talita Baena – Comunicação/Ufopa

8/11/2017